TIRE O SEU RACISMO DO CAMINHO QUE EU QUERO PASSAR COM A MINHA COR. Georges Najjar Jr

DICAS DE FILMES



MÃOS TALENTOSAS: A HISTÓRIA DE BENJAMIN CARSON 2009

SINOPSE O filme conta a história do menino pobre que se tornou neurocirurgião de fama mundial. Ben Carson (Cuba Gooding Jr.) era um menino pobre de Detroit, desmotivado, que tirava notas baixas na escola. Entretanto, aos 33 anos, ele se tornou o diretor do Centro de Neurologia Pediátrica do Hospital Universitário Johns Hopkins, em Baltimore, EUA. 

FICHA TÉCNICA Diretor: Thomas Carter
 Elenco: Cuba Gooding Jr., Kimberly Elise, Ele Bardha, Loren Bass, Lesley Bevan, Jesse ChristianProdução: Bruce Stein, Erin Keating, Margaret Loesch Roteiro: John Pielmeier Fotografia: John B. Aronson Trilha Sonora: Martin Davich Duração: 90 min. Ano: 2009 País: EUA Gênero: Drama Cor: Colorido Distribuidora: Sony Pictures Estúdio: Hatchet Films / Sony Pictures Entertainment Classificação: 12 anos.




Nova York, anos 70. Era o tempo dos Jackson 5, da família Dó-Ré-Mi e do Black Power. Neste cenário musical efervescente, Spike Lee nos traz a vibrante história da professora Carolyn Carmichael (Alfre Woodard), uma mãe carinhosa e preocupada, seu marido Woody (Delroy Lindo), músico de Jazz, e seus cinco filhos vivendo no agitado bairro do Brooklyn. Quando Woody, que já foi bem sucedido com a música, perde seu emprego uma crise começa a envolver sua família e seu casamento. E agora todos terão de confiar uns nos outros - e também no senso de humor de cada um - para enfrentar as grandes alegrias e inevitáveis tristezas do dia-a-dia




Jovem e bem-sucedido arquiteto negro causa furor quando inicia um romance extra-conjugal com sua secretária branca, descendente de italianos. O caso se transforma no estopim para uma acirrada disputa entre membros das duas famílias e revela as diferenças entre as duas etnias.














LUTE PELA COISA CERTA


Em Mission College, uma universidade de negros sulista, Vaughn Dunlap (Laurence Fishburne) é um estudante sério, que se envolve com problemas estudantis e direciona suas críticas para a atual administração, que considera insensível para sérios problemas. Vaughn está profundamente ligado no sistema de ascensão social das fraternidades. Dunlap é um ativista dedicado, enquanto Meia-Tigela (Spike Lee), seu primo mais jovem, gasta a maioria do tempo tentando ingressar na fraternidade mais popular enquanto tenta achar desesperadamente um envolvimento (e provar que não é virgem). Os dois tentam alcançar suas metas discrepantes e, paralelamente, há um problema racial em conflito dividindo a universidade entre os "Wannabees", os mais claros, e os "Jigaboos", os mais escuros.




FILME: FAÇA A COISA CERTA


Sal (Danny Aiello), um ítalo-americano, é dono de uma pizzaria em Bedford-Stuyvesant, Brooklyn, (lá também há um armazém cujos donos são coreanos). Com predominância de negros e latinos, é uma das áreas mais pobres de Nova York. Sal é um cara boa praça, que comanda a pizzaria juntamente com Vito (Richard Edson) e Pino (John Turturro), seus filhos, além de ser ajudado por Mookie (Spike Lee), um funcionário. Sal cultua decorar seu estabelecimento com fotografias de ídolos ítalo-americanos dos esportes e do cinema, o que desagrada sua freguesia. No dia mais quente do ano, Buggin' Out (Giancarlo Esposito), o ativista local, vai até lá para comer uma fatia de pizza e se desentende com Sal por não existirem negros na "Parede da Fama" dele. Sal retruca dizendo que esta parede é só para ítalo-americanos e se Buggin' Out quer ver fotos dos "irmãos" que abra sua própria pizzaria. Notando que não vê nenhum italiano para proteger Sal, Buggin passa o resto do dia tentando organizar um boicote contra a pizzaria. Este incidente trivial é o ponto de partida para um efeito dominó, que vai gerar vários problemas. Um desentendimento com Mookie o leva a enfrentar uma série de mal-entendidos, que resultam em pancadaria. A polícia chega ao local e acaba matando um dos fregueses, transformando a confusão em tragédia.




FILME: HUEY P. NEWTON - SPIKE LEE

O filme conta a história de Huey P. Newton, um dos co-
fundados do Partido de Auto-Defesa Panteras Negras. O longa é baseado na peça homônima que ficou por vários anos em cartaz no circuitooff-Broadway, e trata-se de um longo monólogo interpretado pelo ator Roger Guenveur Smith (foto), que mescla imagens de arquivo em preto-e-branco e trechos filmados recentemente.












FILME:A HORA DO SHOW
Pierre Delacroix (Damon Wayans) é um escritor de séries de TV que não aguenta mais a tirania de seu chefe. Sendo o único empregado negro da companhia, Delacroix resolve propôr a idéia mais absurda que conseguira imaginar, um programa de TV estrelado por dois mendigos negros que denunciariam o estereótipo e o preconeceito do negro na televisão americana, exatamente no intuito de ser demitido. Mas a surpresa é que o programa em questão não apenas se torna realidade como passa a ser um grande sucesso entre o público americano.






FILME: TODOS A BORDO
Um dos maiores filmes sobre o orgulho racial negro, "Todos à bordo" é um filme humanitário, dotado de ensinamentos morais e espirituais para elevação da raça negra. A idéia central do filme é chamar à atenção da comunidade negra para auto-superação de alguns problemas que a aflinge e que estão ao seu alcance de resolução. Inspirado pelo contexto da "Marcha de 1 milhãos de homens negros", este filme é vibrante, e merece um lugar de destaque na história da cinematografia negra contemporânea.







FILME: QUATRO MENINAS - UMA HISTORIA REALME: QUATRO MENINAS - UMA HISTORIA REAL


Documentário produzido pela companhia de Spike Lee em conjunto com a HBO, que discorre sobre o famoso e cruel atentado terrorista - evidentemente de cunho racista - que vitimou quatro meninas. O fato se deu em 1963, em plena era da luta pelos direitos civis, quando uma bomba explodiu a 16th Street Church, em Birmingham, no estado do Alabama. A morte daquelas crianças revoltou todo o povo americano e não somente os negros - mas especialmente estes tinham aí mais um motivo para pedir justiça e igualdade.






FILME: PRIDE - ORGULHO DE UMA NAÇÃO


Baseado em eventos reais, Pride conta a inspiradora história de Jim Ellis, um carismático professor dos anos 70 que mudou algumas vidas para sempre quando criou uma equipe de natação formada por negros americanos em um dos bairros mais problemáticos da Filadélfia.














FILME: FLOR DO DESERTO

Baseado no best-seller Desert Flower, é a autobiografia da modelo somali Waris Dirie (Liya Kebede), circuncisada aos 5 anos e vendida para casar aos 13. A garota fugiu da Somália e foi para os Estados Unidos, onde se tornou uma modelo mundialmente conhecida, além de embaixadora da ONU no tema.












FILME: EU SOU UMA ESCRAVA


Baseado nas experiências da vida real de Mende Nazer, a história se desenrola a partir de doze anos de idade, Malia, filha do lutador campeão Bah, é raptada de sua aldeia nas montanhas do Sudão Nubar pela milícia pró-governo árabe e vendido como escrava a uma mulher em Cartum, que bate nela para tocar sua filha. Depois de seis anos, ela é enviada para Londres, onde seu nome é alterado, mas sua vida miserável de servidão continua. Seu passaporte é retirado e ela fica sabendo que seu pai vai morrer se ela for as autoridades. Felizmente ela conhece uma pessoa simpática, que parece oferece a esperança de escapar e reencontro com Bah, de volta no Sudão






FILME: SEGUNDO O EVANGELHO


Fé e música se misturam para contar essa história dramática de um homem que tenta redescobrir suas origens e resgatar o tempo perdido ao lado de seu pai e sua vizinhança depois de muito tempo. Um jovem sai de casa brigado com o pai, um pastor de uma igreja logo após a morte de sua mãe. Ele se torna um cantor de sucesso e leva um estilo de vida auto-indulgente. Mas a notícia de que seu pai está doente e à beira da morte o leva de volta para o lugar de onde saiu. Lá ele reencontra a velha igreja e seus amigos de infância, e passa a preservar mais sua própria imagem, ao mesmo tempo em que decide assumir de uma vez seu destino mais voltado para uma religiosidade, mas sem deixar de lado os seu amor pela música.






O amor transforma pessoas neste drama repleto de música gospel onde você vai cantar, sorrir e avaliar os anseios do seu coração. Tommy, um ex-detendo à procura de emprego, enfrenta barreiras por causa do seu passado nas ruas,até que a vovó Memaw o encontra. Abrindo sua casa, ela o ajuda e arranjar um emprego e um espaço para usar o seu talento em música mostrando-lhe que Deus pode cuidar dos seus problemas. A sua neta, Lilly, desenvolve uma amizade muito especial com Tommy. As mudanças no seu comportamento causam um grande impacto em sua amizade com G. Smooth, um traficante que o envolve em grandes encrencas. Pela primeira vez na sua vida, Tommy tem esperança por alguma coisa,tem um motivo para viver, e tem “Uma Razão Para Cantar”.








Primeiro Domingo é um santo remédio contra o mau humor. Ice Cube é Durrell Jefferson, um ladrão condenado a 5 mil horas de serviço comunitário. Como Deus ajuda quem toma atitude na vida, Jefferson resolve roubar o fundo de obras da igreja do bairro. Seu companheiro Lee John (Tracy Morgan), entra no esquema, mas se depara com uma grande surpresa: o dinheiro foi roubado. A única saída é prender todas as pessoas de uma missa como reféns para descobrir quem foi quem pegou o dinheiro.






Os sonhos podem fazer valer a pena viver, mas eles também podem ser estilhaçados por decisões erradas. Esta é a encruzilhada em que se encontra a família Younger quando seu pai morre e recebem US$10.000 do seguro de vida. Será que devem comprar uma casa nova para a família? Talvez uma loja? Ou pagar pela escola de medicina? Apesar da escolha ser difícil, a vida no lado sul de Chicago na década de 1950 é mais difícil ainda.








O jantar de domingo na casa de Mother Joe (Irma P. Hall) é de dar água na boca, uma tradição que já dura 40 anos. Aos olhos de seu neto Ahmad (Brandon Hammond), amor e sorrisos sempre fazem parte do cardápio, apesar da costumeira rivalidade entre sua mãe Maxine e as irmãs dela, Teri e Bird. Mas quando brigas mais sérias começam a desagregar a família, os bons tempos repentinamente ficam esquecidos. Agora é a vez de Ahmad reunir a todos e ensinar-lhes o verdadeiro significado de alimento da alma. Com uma trilha sonora que alcançou o primeiro lugar nas paradas, Alimento da Alma é divertido, carinhoso e um ótimo programa. Um banquete para seu coração.






Uma noite, após sair ganhador de uma sangrenta briga de bar, Tsotsi rouba um carro. Enquanto acelera pela noite, ouve um barulho no banco de trás e acaba sofrendo um acidente. Na traseira do carro, descobre um bebê. Sem saber o que fazer, leva-o para o gueto de Johanesburgo em que vive. Lá, convencerá a jovem mãe Miriam a cuidar de “seu filho”, numa relação que logo provocará mais confrontos. Baseado no romance de mesmo nome, único trabalho em literatura do famoso dramaturgo sul-africano Athol Fugard. O filme ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro de 2005.










O longa é baseado na peça teatral de 1975 intitulada For Colored Girls: Who Have Considered Suicide When the Rainbow is Enuf. De autoria da americana Ntozake Shange, a peça mostra diversos poemas de mulheres sem nome, unidas apenas pela sua cor, que falam sobre amor, abandono, aborto, estupro, violência doméstica e outros problemas.












Em São Francisco Stella (Angela Bassett) é uma muito bem sucedida operadora da bolsa de valores. Ela tem quarenta anos, é divorciada, tem um filho de onze anos e nenhum namorado ou tempo para se divertir, pois é extremamente dedicada ao trabalho. Delilah (Whoopi Goldberg), uma nova-iorquina que é sua melhor amiga, lhe convence a passar uma semana de férias na Jamaica e lá ela conhece Winston (Taye Diggs), um jovem que tem a metade da sua idade e por quem se sente atraída. Inicialmente ela resiste aos assédios do rapaz, pois lhe parece ridículo transar com alguém que poderia ser seu filho, mas os dois acabam se envolvendo. No entanto o relacionamento dura pouco, pois ele é obrigado a iniciar em um emprego imediatamente. Ao voltar para casa, descobre que por motivos de contenção de despesas ela foi demitida. Enquanto tenta reorganizar sua vida, recebe um telefonema de Winston e decide então voltar a Jamaica com seu filho e sua sobrinha. Mas quando o namoro é assumido a mãe do rapaz não aceita o fato dela estar com seu "bebê" e algumas amigas dela não aceitam bem esta relação, mas tudo repentinamente fica em segundo plano quando ela recebe uma ligação dizendo que Delilah tem um câncer em estado avançado e será operada no dia seguinte








Uma aventura épica e um acontecimento na produção cinematográfica, O Príncipe do Egito conquistou o público em todo o mundo, tornando-se um dos maiores filmes de animação de todos os tempos. Um incomparável trabalho de arte e uma poderosa música, vencedora do Oscar, dão a vida a esta adorável história, de inesquecíveis personagens. Esta é a extraordinária história de dois irmãos, um deles nascido com sangue real e o outro, um órfão com um passado secreto. Crescendo como melhores amigos, seus laços se tornam ainda mais fortes ao compartilhar uma divertida juventude e uma saudável rivalidade. Mas a verdade finalmente os separa, quando um se torna o governante do mais poderoso império da terra e o outro o líder escolhido por seu povo. O confronto final mudará suas vidas para sempre... e também o mundo inteiro. Ao mesmo tempo uma diversão espetacular e uma celebração do espírito humano. O Príncipe do Egito é um clássico que todas as épocas e todas as gerações vão apreciar e adorar.




FILME: REU PRIMARIO


Pego numa batida policial, Greg Yance (Omar Epps) é condenado a cinco anos de prisão por tráfico de drogas, sem direito à condicional. O pouco tempo que passa na cadeia é suficiente para mostrar-lhe a violência com a qual terá de conviver dali para a frente. Por ser réu primário, no entanto, ele pode optar por uma pena alternativa que implica quatro meses de treinamento pesado em Fort Meyers, Illinois. Sob uma implacável disciplina militar e regras rígidas, ele é posto à prova a cada segundo. Sua chance de mostrar do que é capaz surge quando os detentos são recrutados para erguer barricadas numa cidade prestes ser destruída por uma enchente. Mas o maior desafio vem quando Greg volta para casa e precisa encontrar um novo modo de vida.






Inspirado na vida de Earl Manigault, este drama conta a história do talentoso jogador de basquete que inovou o esporte e tornou-se uma verdadeira lenda nas ruas do Harlem com seus saltos e cestas espetaculares. Apesar de ter uma promissora carreira pela frente, Earl acaba se envolvendo com drogas, fica cada vez mais longe das quadras e chega a ser preso. Mais tarde, recuperado, passa a treinar garotos e dedica a vida a manter os jovens longe das drogas. Dirigido por Eriq la Salle (de Plantão Médico e que também faz uma participação no filme). Com Don Cheadle (de O Diabo Veste Azul e O Massacre de Rosewood), James Earl Jones (de Campo dos Sonhos e Os Três Fugitivos), e Michael Beach (de Falando de Amor e Assassino Profissional), entre outros.






A lendária cantora e atriz indicada para o Oscar Diana Ross, estrela ao lado da cantora multi-premiada e vencedora do Grammy Brandy nesta emocionante história sobre uma mãe que busca recuperar o estrelato a custa do abandono de sua única criança. O filme brilha com atuações esplêndidas das duas estrelas, incluindo o dueto exclusivo "Love Is All That Matters." Após cerca de duas décadas longe de casa e navegando nas ondas da fama, Olivia (Diana Ross) volta para encontrar a filha Kayla (Brandy) e revelar à garota a mãe que ela nunca conheceu. Com bons contatos e o desejo de consertar o passado, Olivia ajuda Kayla a realizar seu sonho de tornar-se uma cantora de sucesso. Mas seus frágeis laços de mãe e filha são testados quando os sonhos do estrelato de Kayla se tornam realidade. Juntas, elas irão descobrir que o amor é mais poderoso que a ambição e a família mais importante do que a fama..








Negros americanos fundam organização ilegal com a finalidade de sequestrar e reeducar os irmãos de cor que "vendem" ou não defendem sua raça. Mas o líder começa a se questionar quando as ações do grupo tornam-se violentas





















Oficial negro é enviado para investigar a morte de um soldado afro-americano numa base no interior dos EUA. O filme faz parte da trilogia do diretor canadense Norman Jewison sobre o racismo na América.












A história real de Clarence Bradley, que foi condenado pelo Estado do Texas, sem provas, ou testemunhos, num julgamento forjado, à pena de morte, pelo suposto estupro e morte de uma moça branca. Sua família tenta livrá-lo da morte, com a ajuda de advogados.
















Um homem é condenado à prisão por 10 anos. Ao sair da prisão, ele quer viver uma vida normal e parar com o crime, mas seu filho está seguindo o caminho criminal de seu pai.














FILME: OS CAMPEÕES


Nos anos 40, jogadores negros eram segregados dos ídolos brancos. Até que Branch Ricky, presidente dos Brooklyn Dodgers, decide buscar reforços na liga negra, montando um supertime. E enfrentando o ódio e o racismo de todos à sua volta. Baseado em fatos reais. 


















Durante a grande depressão que abateu a América, na década de 20, conseguir emprego era uma tarefa difícil para qualquer um. No caso de um negro era praticamente impossível, devido à sociedade racista na qual se vivia. Ser carregador de malas na ferroviária era uma opção para os negros, mas significava ganhar um terço do salário dos empregados brancos e até trabalhar alguns dias de graça. Asa Philip Randolph, um negro formado em jornalismo e ciências sociais, decide lutar pela causa dos carregadores, formando o primeiro sindicato de negros da América. Esta é a história real de um corajoso líder que se tornou conhecido como "o homem mais perigoso da América".




FILME: TENSAO BRUTAL




























O Filme Cobaias trata uma retrospectiva narrada pela Sra. Eunice Every, uma enfermeira já idosa que esteve envolvida diretamente na história e aparentemente arrependida, relata com muitos detalhes um programa de saúde pública projetado por médicos, políticos e militares na época financiado pelo governo federal, para ser implantado em uma cidade rural dos Estados Unidos da America (Tuskegee), demograficamente dominada por afro-americanos (Negros).








Ao tentar fugir da polícia, garoto de rua é atropelado e bate com a cabeça no chão. Para sua surpresa, ele acorda no sul dos EUA, no século XIX. Vendido como escravo, ele tentará ajudar os seus companheiros a se libertarem das amarras da ignorôncia e da escravidão.



Filme: Miracle At St. Anna




O filme, ambientado na Toscana de 1944, conta a história de quatro soldados negros da 92ª Divisão Buffalo Soldiers do exército norte-americano --divisão formada inteiramente por afro-descendentes e que fica presa em um povoado além da linha do inimigo --que se separam do resto da tropa após um deles arriscar a própria vida para salvar uma criança italiana. 



Isolados nas montanhas toscanas, com alemães de um lado e superiores norte-americanos incapazes de gerenciar a guerra do outro, os quatro soldados redescobrem a humanidade esquecida através dos habitantes do povoado e, principalmente, do garoto italiano resgatado. 



No elenco internacional estão Laz Alonso, Omar Benson Miller, Christian Berkel, Michael Ealy, Derek Luke, além da participação especial de James Gandolfini e John Leguizamo. O elenco italiano conta com Valentina Cervi, Pierfrancesco Favino, Omero Antonutti, Lydia Biondi e Sergio Albelli. 



As filmagens vão durar onze semanas, das quais nove na Itália --entre a região de Toscana e os estúdios da Cinecittà, em Roma --e duas nos Estados Unidos. 



A produção de "Miracle At St. Anna" fica por conta de Roberto Cicutto, Luigi Musini e do próprio Spike Lee, em associação com a Rai Cinema e a Mediateca Regionale Toscana Film Commission.





Em 1931 nove jovens negros, com idade entre 12 e 20 anos, foram retirados de um trem e presos, acusados de terem estuprado duas mulheres brancas. Após um rápido julgamento, eles foram condenados à cadeira elétrica. A notícia gerou grande polêmica, o que fez com que a Corte Suprema dos Estados Unidos resolvesse fazer um novo julgamento. É quando Samuel Leibowitz (Timothy Hutton), um advogado nova-iorquino com uma impressionante sequência de vitórias nos tribunais, decide defender os acusados.Título no Brasil: A Busca Pela Justiça
Título Original: Heavens Fall
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 105 minutos
Ano de Lançamento: 2006
Site Oficial: http://www.heavensfallthemovie.net
Estúdio/Distrib.: Flashstar
Direção: Terry Green









O casamento é sempre uma ocasião especial. Um dia para reunir velhos amigos e lembrar das alegrias do passado. Mas para o padrinho Harper Stewart, um dia para esquecer! Seu mais novo livro acaba de sair e nele estão histórias de seus amigos, as quais não seriam muito indicadas para ser reveladas justo no casamento. Muita emoção, risos e segredos são revelados, assim que a cerimônia começa!

Gênero: Drama
Duração: 118 min.
Distribuidora(s): CIC
Produtora(s): 40 Acres & A Mule Filmworks

Idiomas: Inglês
Legendas: Português, Espanhol, Inglês, Chinês, Coreano e Tailandês
A trilha sonora Dolby Digital contém até 5.1 canais de áudio separados. Atrilha sonora Dolby Surrond contém até 4 canais codificados de áudio. A reprodução em dois canais é compativel com estéreo e Dolby Pro Logic.







Este filme, através da história de dois garotos, um branco, o outro negro, conta um pouco da história da região hoje conhecida como Quênia...Mwangi, um jovem rapaz da tribo Kikuyu arruma emprego na casa de um policial britânico, numa das regiões africanas dominadas pelos ingleses. O ano é precisamente 1950, quando o movimento de independência começa a ganhar apoio entre a população Kikuyu. Mwangi começa a trabalhar para a família de john Graham, apesar dos protestos de sua esposa Janet. Ele aprende o serviço de ajudante de cozinha com Mugo, um pouco mais velho do que ele. Num ambiente hostil e estranho dos brancos, o garoto faz amizade com o filho da família Graham, edward, os dois meninos brincam e passeiam na floresta, até que vida de Mwangi se modifica por causa do movimento clandestino dos negros, que invade a casa dos Graham exigindo o apoio de todos os empregados negros...Um filme que comoveu a crítica americana por sua extrema força e beleza.

Elenco: Bob PeckPhyllis LoganRobert Urquhart
Direção: Harry Hook
Gênero: Drama
Ano Original: 1987





No século XIX um representante inglês é mandado para uma ilha do Caribe que se encontra sob domínio português, para incentivar uma revolta para favorer os negócios da coroa inglesa. Dez anos depois ele retorna, para depor quem ele colocou no poder, pois o momento econômico exige um novo quadro político na região.Título no Brasil: Queimada
Título Original: Quemada / Burn!
País de Origem: Itália/França
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 112 minutos
Ano de Lançamento: 1969
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.:
Direção: Gillo Pontecorvo






"UM POR DEUS OUTRO PELO DIABO, é um filme de western com imensas qualidades, que marca a estréia na direção de Sidney Poitier, bem como sua primeira parceria nas telas com o super-astro Harry Belafonte. Poitier estrela como Buck, um ex-sargento confederado da cavalaria que escolta escravos libertos até a fronteiras do Colorado. Junto com ele vai sua esposa e um condenado picareta com uma bíblia na mão, chamado de O Padre. Atacados por racistas caçadores de recompensa, determinados a devolvê-los à sua antiga vida têm que juntar toda coragem para continuar seu caminho e ajuda a construir o Velho Oeste."
Diretor: Sidney Poitier
Cantor/Ator/Banda: Sidney Poitier, Harry Belafonte
Duração: 102 Minutos
Gênero: Western
Sistema de Video: Widescreen
Sistema/Idioma Audio: Inglês e Português Dolby Digital 2.0
Distribuidora: SONY PICTURES



Um figurão de uma pequena cidade do Mississippi é assassinado e as suspeitas caem sobre Virgil Tibbs (Sidney Poitier), um detetive negro de passagem pela cidade. Quando a polícia local descobre quem ele é, passa a depender de sua ajuda para solucionar o caso. Agora Virgil terá que lidar com criminosos e com o preconceito das pessoas do local. Vencedor do Oscar de Melhor Filme.

Direção: Norman Jewison
Roteiro: John Ball (romance)Stirling Silliphant (autor)
Gênero: Drama/Policial
Origem: Estados Unidos
Duração: 109 minutos
Tipo: Longa






Numa mistura de documentário e drama emocional, A Morte do Profeta narra os trágicos eventos que marcaram o último dia na vida do ativista negro Malcom X, em 21 de fevereiro de 1965. Malcom X (interpretado por Morgan Freeman) foi um dos maiores batalhadores pelos direitos civis da história americana, ao lado de Martin Luther King, com quem compartilhou também a morte de maneira trágica e violenta. Conheça a história de um homem que sacrificou a vida em troca de um futuro mais justo para seus irmãos e irmãs.
A Morte do Profeta consegue cativar e sensibilizar mesmo depois de passados 40 anos da morte de Malcom X. O elenco destaca a presença de Yolanda King, filha de Martin Luther King, além de depoimentos de amigos e testemunhas oculares do assassinato de Malcom X. Ossie Davis, Yuri Kochiyama e Amiri Baraka dão depoimentos emocionados, ajudando a situar a importânica de Malcom X dentro da sociedade americana conteporânea e seu efeito nas próximas gerações.




Código das Ruas, dirigido pelo aclamado diretor Spike Lee, oferece uma visão fascinante de um mundo sedutor e perigoso e as opções de vida de um grupo de jovens envolvidos intensamente na singular cultura das gangues. Três jovens rapazes de origens e criações diferentes querem tomar posse das ruas, cada um tenta de toda maneira demarcar seu território.

Informações Técnicas
Título no Brasil: Código das Ruas
Título Original: Sucker Free City
País de Origem: EUA
Gênero: Policial
Tempo de Duração: 113 minutos
Ano de Lançamento: 2004
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Flashstar
Direção: Spike Lee





Um grupo de prisioneiras em condições sub humanas, numa penitenciária do interior dos EUA. Trabalhando como escravas e abusadas sexualmente, são levadas ao limite.

Uma estudante de direito acende o estopim para a explosão deste verdadeiro barril de pólvora: ela é o ponto de partida para uma violenta rebelião que vai mudar para sempre a vida de cada uma das detentas, e todo o sistema prisonal norte-americano.

Elenco: Lisa RayeN'bush WrightMos Def
Direção: Neema Barnette
Gênero: Ação
Ano Original: 2002






Filme: Agosto Negro (Black August)



A curta vida do ativista condenado George Lester Jackson (Gary Dourdan, da série CSI) se torna o estopim para uma revolução, dando início a mais sangrenta rebelião ocorrida em toda a história do presídio de San Quentin. Agosto Negro narra a jornada espiritual e a violenta fé de Jackson, desde sua condenação por roubar 71 dólares de um posto de gasolina até galvanizar a Família Black Guerrilla com seu incendiário livro, criado a partir de cartas, Soledad Brother, ou espalhar ferocidade nos corredores de San Quentin em um dia de agosto, quando seu irmão mais novo, Jonathan, chocou o país ao fazer refém toda uma corte de justiça na Califórnia, em protesto pelo julgamento de Jackson. Para o militante George Jackson, a revolução não era uma escolha... Era uma necessidade.

Informações técnicas
Título no Brasil: Agosto Negro
Título Original: Black August
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 115 minutos
Ano de Lançamento: 2007
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Warner Home
Direção: 
Samm Styles







Em 1932 Ray Charles (Jamie Foxx) nasce em Albany, uma pequena e pobre cidade do estado da Georgia. Ray fica cego aos 7 anos, logo após testemunhar a morte acidental de seu irmão mais novo. Inspirado por uma dedicada mãe independente, que insiste que ele deve fazer seu próprio caminho no mundo, Ray encontrou seu dom em um teclado de piano. Fazendo um circuito através do sudeste, ele ganha reputação. Sua fama explode mundialmente quando, pioneiramente, incorpora o gospel , country e jazz, gerando um estilo inimitável. Ao revolucionar o modo como as pessoas apreciam música, ele simultaneamente luta conta a segregação racial em casas noturnas que o lançaram como artista. Mas sua vida não está marcada só por conquistas, pois sua vida pessoal e profissional é afetada ao se tornar um viciado em heroína.Título Original: Ray
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 153 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 
2004
Site Oficial: www.raymovie.com
Estúdio: Universal Pictures / Baldwin Entertainment / Crusader Entertainment LLC / Unchain My Heart Louisiana LLC / Anvil Films / Bristol Bay Productions
Distribuição: Universal Pictures / UIP
Direção: Taylor Hackford









A HBO Films apresenta Queen Latifah (indicada ao Oscar® por Chicago) na empolgante história da jornada de uma mulher à beira da auto-destruição e do desespero, e sua inspiradora luta para reconquistar sua dignidade e sua família. Ana é uma portadora do vírus HIV, ex-drogada do Brooklyn, que luta desesperadamente contra seu passado e para acertar as coisas em sua vida. Para tanto, se envolve com um grupo de voluntários que dão suporte à pessoas como ela. Inspirado em fatos reais, Juntos Pela Vida é um conto tocante sobre amor, perda e perseverança.

Filme maravilhoso sobre a comunidade negra.

Informações técnicas
Título no Brasil: Juntos Pela Vida
Título Original: Life Support
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 87 minutos
Ano de Lançamento: 2007
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Warner Home



Filme: Perigo para sociedade
Este filme foi indicado para quase todos os prêmios internacionais, e em Cannes foi exibido na Noite dos Diretores. Os diretores chamados de "Hughes Brothers" são irmãos gêmeos, e têm muito para contar obre o submundo dos guetos americanos. A história de Caine não é singular: ele viu a violência desde cedo, através da vida e da morte de seus pais, e seus amigos matarem e serem mortos com brutalidade. A forma como os Hughes contam a história de Caine é que se tornou bastante singular. Perigo para a Sociedade foi aclamado pela crítica e pelo público. Um retrato brutal e ao mesmo tempo humano, consagrado pelo público da MTV a ganhador do prêmio Free Spirit.

Títulos Alternativos: Menace to Society
Gênero: CrimeDramaSuspense
Duração: 97 min.
Tipo: Colorido
Palavras-Chaves: Filme independenteNúmero no títuloVômito,mais...
Produtora(s): New Line Cinema








Nascido na cidade paulista de Franca em 1914, Abdias Nascimento, apesar da família pobre consegue se formar em contabilidade no ano de 1929. No ano seguinte se muda para a capital do Estado, com apenas 15 anos de idade, momento em que começa a se engajar na luta contra o racismo, fato que o leva a participar da Frente Negra Brasileira, importante instituição na luta contra a discriminação sofrida pelos negros. Em 1938 organiza o Congresso Afro-Campineiro e em 1944 funda o Teatro Experimental do Negro. Também é um dos responsáveis pela criação de políticas públicas de reparação para os afrodescendentes, além de conseguir instituir o crime de discriminação racial.
Abdias Nascimento foi o primeiro deputado federal afro-brasileiro a dedicar seu mandato contra o racismo e como senador da República continua com sua luta.
Na próxima segunda-feira, 17 de março, haverá o lançamento do documentário sobre a trajetória do movimento negro no século 20 com destaque na história do escritor e professor Abdias Nascimento, filme com direção de Antônio Olavo. Na ocasião Abdias Nascimento receberá o título Doutor Honoris Causa pela UNEB. O evento acontece na Sala Principal do Teatro Castro Alves, às 19h30, somente para convidados.
Obras Publicadas:
O quilombismo, 2ª ed. Brasília/Rio de Janeiro: Fundação Cultural Palmares/ OR Produtor Editor, 2002
O Brasil na Mira do Pan-Africanismo. Salvador: Centro de Estudos Afro-Orientais/Editora da Universidade Federal da Bahia EDUFBA, 2002
Orixás: os Deuses Vivos da África/ Orishas: the Living Gods of Africa in Brazil. Rio de Janeiro/ Philadelphia: Intituto de Pesquisas e Estudos Afro-Brasileiros/ Temple University Press, 1995.
A Luta Afro-Brasileira do Senado. Brasília: Senado Federal, 1991.
Povo Negro: A sucessão e a “Nova República”. Rio de Janeiro: Ipeafro, 1985.
Jornada Negro-Libertária. Rio de Janeiro: Ipeafro, 1984.
Axés do Sangue e da Esperança: Orikis. Rio de Janeiro: Achiamé e RioArte, 1983. (Poesia.)
Sitiado em Lagos. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1981.
Sortilégio II: Ministério Negro de Zumbi Redivivo. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979. (Peça de teatro.)
O Genocídio do Negro Brasileiro. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1978.

Sortilégio (mistério negro). Rio de Janeiro: Teatro Experimental do Negro, 1959. (Peça de teatro.)





No difícil e selvagem período da colonização norte-americana, um regimento da Cavalaria cai na cilada armada por duas facções de terriveis guerreiros indígenas. Aprisionados e humihados, os soldados terão que mostrar toda a sua bravura, coragem e determinação, se quiserem sair vivos desta emboscada. Mais que os próprios índios, eles terão qe vencer também o preconceito, já que o líder da tropa, Sargento Washington,é um ex-escravo negro. Baseado num episódio histórico e real, o filme foi produzido e estrelado por Danny Glover (Maquina Mortífera).Título no Brasil: Os Soldados Búfalos
Título Original: Buffalo Soldiers
País de Origem: EUA
Gênero: Ação
Tempo de Duração: 95 minutos
Ano de Lançamento: 1997
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Europa Filmes







Ricky (Ashley Walters) é um adolescente da classe pobre da Inglaterra que mora com a mãe e o irmão de 12 anos. Toda vizinhança faz parte de gangues que vivem envolvidas em episódios de violência e drogas. Apesar de namorar Shea (Sharea-Mounira Samuels) e ter sua família estruturada, isso não o deixa longe de problemas, o que o levam à prisão por algum tempo. Ao ser solto, sua família espera que Ricky abandone a vida de criminoso e tome um rumo certo, só que as más influências não o deixam em paz. Ricky vive um dilema, no qual qualquer possibilidade de escolha o deixará insatisfeito.Título no Brasil: Bullet Boy: Sem Perdão
Título Original: Bullet Boy
País de Origem: Inglaterra
Gênero: Ação
Tempo de Duração: 89 minutos
Ano de Lançamento: 2004
Site Oficial: http://www.bulletboy.net
Estúdio/Distrib.: Universal Pictures







Cassius Clay (Will Smith) era um grande lutador nos ringues de boxe e uma pessoa inteligente fora deles, onde impressionava pelo seu fácil palavreado. Ele logo se tornou uma das principais personalidades do esporte mundial nos anos 60, principalmente após se converter ao islamismo, trocar seu nome para Muhammad Ali e se recusar a lutar na Guerra do Vietnã.Título no Brasil: Ali
Título Original: Ali
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 167 minutos
Ano de Lançamento: 2001
Site Oficial: http://www.spe.sony.com/movies/ali/
Estúdio/Distrib.: Columbia Pictures Corporation / Forward Pass / Initial Entertainment Group / Overbook Entertainment / Peters Entertainment / Picture Entertainment Corporation





Filme: "Todos à bordo" - "Get on the bus"


Um dos maiores filmes sobre o orgulho racial negro, "Todos à bordo" é um filme humanitário, dotado de ensinamentos morais e espirituais para elevação da raça negra. A idéia central do filme é chamar à atenção da comunidade negra para auto-superação de alguns problemas que a aflinge e que estão ao seu alcance de resolução. Inspirado pelo contexto da "Marcha de 1 milhãos de homens negros", este filme é vibrante, e merece um lugar de destaque na história da cinematografia negra contemporânea.

Diretor(es): Spike Lee
Roteirista(s): Reggie Rock Bythewood
Elenco: Richard BelzerDe'aundre BondsAndre BraugherThomas Jefferson ByrdGabriel CasseusAlbert HallHill HarperHarry Lennix¹Bernie MacWendell PierceRoger Guenveur SmithIsaiah Washington (1)Steve White (1)Ossie DavisCharles S. Dutton






Um dos capítulos mais importantes da história americana e ponto focal do movimento dos direitos civis. Uma incrível e corajosa história. Um tributo aos homens que ousaram lutar para mudar o mundo. Os afro-americanos de Bogalusa, na Louisiana, ainda são tratados como cidadãos de 3a categoria, seus direitos básicos como seres humanos insistentemente esmagados pela estrutura do poder branco e particularmente pela organização local Ku Klux Klan. Como muitos homens negros da vizinhança, o veterano de guerra Marcus trabalha em uma fábrica local por um mísero salário e ainda tem que suportar as constantes humilhações de seus supervisores brancos. Mas sua paciência passa dos limites quando é espancado pela polícia por querer defender sua própria filha. Icentivado por um homem branco do Norte, Marcus organiza "Os Deacons", um grupo de defesa composto de homens negros. Seus objetivos eram patrulhar o setor negro da cidade e proteger seus habitantes das reações violentas dos brancos.


Informações Técncias
Título no Brasil: Em Defesa da Honra
Título Original: Deacons for Defense
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 93 minutos
Ano de Lançamento: 2003
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Flashstar
Direção: Bill Duke







Micah Mangena está sentado num barril de pólvora e nem imagina. Ele é sargento da polícia na África do Sul, um inquestionável suporte dos poderes estabelecidos. Mas o conflito que está desestruturando a África do Sul de 1980, está a ponto de despedaçar violentamente o próprio mundo de Micah. Seu filho está percebendo que o apartheid é cruel... e que Micah é parte desse sistema. Danny Glover, Malcolm McDowelI, Alfre Woodard e Marius Weyers encabeçam o excepcional elenco de BOPHA!, a marcante estréia de Morgan Freeman na direção. 'Bopha' é uma palavra da língua Zulu que significa 'prender' ou 'deter'. Para o regime opressor, é um ato de fortalecimento. Para a crescente multidão de ativistas, é um enfurecido grito de protesto, o grito cujo poderoso impacto é sentido até hoje.Ficha técnica:


Bopha!
1993
Morgan Freeman
Drama
Comentários Do Diretor Morgan Freeman E Dos Atores Danny Glover E Alfre Woodard
Wide Screen
Dolby Digital 5.1/Dolby Digital 2.0





Oakland, Califórnia, 1967. Huey Newton (Marcus Chong) e Bobby Seale (Courtney B. Vance) são amigos, que formam um novo partido dedicado em proteger os negros das violentas arbitrariedades dos policiais brancos. O Partido dos Panteras Negras de Autodefesa dá almoço grátis para as crianças, educa a comunidade afro-americana em se conscientizar dos seus direitos, faz o que pode para tirar das ruas os traficantes de drogas e enfrenta a polícia de Oakland (que é extremamente racista) quando desrespeita os direitos civis dos negros. O partido faz tudo isto sem transgredir alguma lei. Logo brancos conservadores começam se sentir incomodados e planejam se livrar desta "ameaça", mesmo que tenham de desrespeitar a lei.Ficha TécnicaTítulo Original: Panther
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 123 minutos 
Ano de Lançamento (EUA): 
1995
Estúdio: Gramercy Pictures / Tribeca Productions / Working Title Films / MVPFilms / Polygram Filmed Entertainment
Distribuição: Gramercy Pictures
Direção: Mario Van Peebles
Roteiro: Melvin Van Peebles, baseado em livro de Melvin Van Peebles
Produção: Preston L. Holmes, Mario Van Peebles, Melvin Van Peebles e Robert De Niro
Música: Stanley Clarke
Fotografia: Edward J. Pei
Desenho de Produção: Richard Hoover
Direção de Arte: Bruce Robert Hill e Carol Lavoie
Figurino: Paul Simmons
Edição: Earl Watson










OPRAH WINFREY (A Cor Púrpura) e DANNY GLOVER (Máquina Mortífera IV) estrelam este triunfo cinematográfico, aclamado pela crítica, dirigido pelo vencedor do Oscar® JONATHAN DEMME. Em uma terrível jornada para encontrar a liberdade, Sethe (WINFREY) é constantemente afrontada por segredos que a assustam durante anos até que Paul (GLOVER), um amigo do passado, inesperadamente entra novamente em sua vida. Com sua ajuda, Sethe pode realmente descobrir quem ela é e reconquistar a esperança perdida há muito tempo. Também apresentando as espetaculares performances de THANDIE NEWTON (Missão Impossível II) e LISA GAY HAMILTON, você vai concordar com todos os críticos que aclamaram esta maravilhosa adaptação do romance de Toni Morrison, vencedor do Prêmio Pulitzer, como o melhor filme do ano.

Ficha técnica
Título Original: Beloved
Título em Português: Bem Amada
Lançamento: Outubro -2004
País de Origem: E.U.A
Ano de Produção: 1998
Estúdio: Touchstone
Tempo de Duração: 171 min.aprox.
Gênero: Drama
Classificação Etária: 14 anos
Elenco: Danny Glover; Oprah Winfrey
Direção: Jonathan Demme











Georgia, 1909. Em uma pequena cidade Celie (Whoopi Goldberg), uma jovem com apenas 14 anos que foi violentada pelo pai, se torna mãe de duas crianças. Além de perder a capacidade de procriar, Celie imediatamente é separada dos filhos e da única pessoa no mundo que a ama, sua irmã, e é doada a "Mister" (Danny Glover), que a trata simultaneamente como escrava e companheira. Grande parte da brutalidade de Mister provêm por alimentar uma forte paixão por Shug Avery (Margaret Avery), uma sensual cantora de blues. Celie fica muito solitária e compartilha sua tristeza em cartas (a única forma de manter a sanidade em um mundo onde poucos a ouvem), primeiramente com Deus e depois com a irmã Nettie (Akosua Busia), missionária na África. Mas quando Shug, aliada à forte Sofia (Oprah Winfrey), esposa de Harpo (Willard E. Pugh), filho de Mister, entram na sua vida, Celie revela seu espírito brilhante, ganhando consciência do seu valor e das possibilidades que o mundo lhe oferece.Ficha TécnicaTítulo Original: The Color Purple
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 156 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 
1985
Estúdio: Warner Bros. / Amblin Entertainment / Guber-Peters Company
Distribuição: Warner Bros.
Direção: Steven Spielberg
Roteiro: Menno Meyjes, baseado em livro de Alice Walker
Produção: Quincy Jones, Kathleen Kennedy, Frank Marshall e Steven Spielberg
Música: Quincy Jones
Fotografia: Allen Daviau
Desenho de Produção: J. Michael Riva
Direção de Arte: Bo Welch
Figurino: Aggie Guerard Rodgers
Edição: Michael Kahn








A história real de Ralph "Petey" Greene, ex-presidiário negro que se tornou um famoso apresentador de rádio na capital americana, Washington. Greene virou uma celebridade ao embalar os ouvintes com canções de soul music, mas principalmente por falar exatamente aquilo que a comunidade queria ouvir sobre direitos civis e conscientização negra. Eram os anos de 1960, e Greene passou a ser visto como personalidade e um dos mais importantes ativistas.
Gênero: BiografiaDrama
Duração: 118 min.
Tipo: Longa-metragem / Colorido







Na desesperada tentativa de mudar e melhorar sua vida, Loretta Sinciar (Woodard), uma problemática mãe solteira que vive no subúrbio de Chicago, decide passar o verão na casa de seus ancestrais, no interior do Mississipi. No "delta" do título original, ela finalmente enxerga uma forma de cuidar bem de sua filha e de recuperar sua vida em fragalhos, sempre com a ajuda do tio Earl. Este é o único longametragem dirigido pela atriz e escritora afro-americana Maya Angelou, de 75 anos.


Ano de Lançamento: 2004

Atores/Artistas: Alfre WoodardWesley Snipes
País/Ano de Produção: EUA - 2003
Duração: 108 Minutos
Faixa Etária: 12 Anos
Idiomas: Inglês e Português
Áudio: Dolby Digital 2.0
Legendas: Inglês, Espanhol e Português
Formato da Tela: Fullscreen






Denzel Washington (de “Déjà Vu” e “O Dossiê Pelicano”) é o diretor e o ator principal do filme, produzido pela popular apresentadora norte-americana Oprah Winfrey (que emprestou sua voz para “Bee Movie” e “A Menina e o Porquinho”) e baseado em fatos reais. O personagem de Denzel Washington, Mel Tolson, é um professor que vive no Texas na década de 1930 e monta um grupo de debate com seus alunos universitários. O longa, com roteiro de Robert Eisele, foi baseado na história real de Melvin B. Tolson (Washington), professor de uma pequena universidade voltada para negros no Texas no ano de 1935. Tolson conseguiu formar um time de debate, e, com muito esforço e enfrentando o racismo, os alunos foram capazes de superar os garotos da renomada Havard em uma competição nacional. O ator Forest Whitaker (de “O Quarto do Pânico” e vencedor do Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 2006 por seu papel em “O Último Rei Da Escócia”) interpretará o pai de um dos debatedores e rival do professor. O lançamento do filme contou com a presença do ator Samuel L. Jackson (”Serpentes a Bordo”), que compareceu acompanhado de sua mulher, LaTanya. Denzel Washington e Pauletta, sua mulher, posaram para fotos junto com o casal de amigos no tapete vermelho.
Gênero: Drama
Duração: 123 min
Origem: EUA
Estúdio: Weinstein Co.
Direção: Denzel Washington




Na África Ocidental, nasce um menino minúsculo, cujo tamanho não alcança nem o joelho de um adulto. Mas ele tem um destino: enfrentar a poderosa e malvada feiticeira Karabá, que secou a fonte d'água da aldeia de Kiriku, engoliu todos os homens que foram enfrentá-la e ainda pegou todo o ouro que tinham. Para isso, Kiriku enfrenta muitos perigos e se aventura por lugares onde somente pessoas pequeninas poderiam entrar.

» Direção: Bénédicte GalupMichel Ocelot
» Roteiro: Bénédicte GalupPhilippe AndrieuxMarie LocatelliMichel Ocelot
» Gênero: Animação
» Origem: França
» Duração: 75 minutos
» Tipo: Longa









Kiriku é um garoto pequeno, mas muito inteligente e com dons especiais, que nasceu com a missão de salvar sua aldeia. A cruel feiticeira Karaba secou a fonte do lugar onde Kiriku mora com amigos e parentes e, possivelmente, comeu o pai e os tios do menino. Encontrando amigos e seres fantásticos pelo caminho, Kiriku vai resolver a situação. História baseada em uma lenda da África Ocidental.Título no Brasil: Kiriku e a Feiticeira
Título Original: Kirikou et la sorcière
País de Origem: França / Bélgica / Luxemburgo
Gênero: Animação
Classificação etária: Livre
Tempo de Duração: 71 minutos
Ano de Lançamento: 1998
Site Oficial: http://www.kirikou.net
Estúdio/Distrib.: Espaço Filmes e Imovision
Direção: Michel Ocelot 










Os tempos são difíceis para os negros da África do Sul, mas Patrick Chamusso tem a sua casa, sua família, e um bom emprego na refinaria de óleo de Secunda. Ele não quer tomar partido no movimento anti-Apartheid, preferindo ao invés disto, levar uma vida comum. Patrick está ausente do trabalho quando terroristas tentam explodir a refinaria. Ele tirou o dia de folga para assistir o time de futebol que ele treina jogar na final, e para visitar secretamente o filho que tem com sua ex-namorada. Nic Vos, um policial branco que tenta manter a ordem em situações voláteis, prende Patrick e dois trabalhadores negros.
» Direção: Phillip Noyce
» Roteiro: Shawn Slovo
» Gênero: Drama/Histórico/Suspense
» Origem: África do Sul/Estados Unidos/França/Reino Unido
» Duração: 110 minutos
» Tipo: Longa





John Shaft (Samuel L. Jackson) é um policial que precisa lutar contra o racismo e o tráfico de drogas em uma comunidade local. Quando um conhecido líder da comunidade negra é assassinado por um racista filho de um rico e poderoso empresário, Shaft começa a investigar o caso e busca de todas as maneiras conseguir provas que o incriminem e o condenem perante a Justiça.Informações Técnicas
Título no Brasil: Shaft
Título Original: Shaft
País de Origem: EUA
Gênero: Policial
Tempo de Duração: 99 minutos
Ano de Lançamento: 2000
Site Oficial: http://www.shaft-themovie.com
Estúdio/Distrib.: Paramount Pictures / Scott Rudin Productions / New Deal Productions
Direção: John Singleton 





Filme: "Os Donos da Rua (Boyz'n the Hood)"
Em 1984, no South Central, bairro de maioria negra de Los Angeles, Reva Devereaux (Angela Bassett), a mãe de Tre Styles (Cuba Gooding Jr.), conclui que não tem condições de criar o filho pelo fato dele ser rebelde, apesar de ser bem inteligente. Reva decide então entregá-lo aos cuidados do pai, Furious Styles (Laurence Fishburne), que passa ao filho valores éticos e morais em uma região marcada pelo pobreza e violência. Após sete anos Tre faz dois grandes amigos: Ricky Baker (Morris Chestnut) e Doughboy (Ice Cube), mas cada um dos três tem objetivos bem diversos na vida.Informações Técnicas
Título no Brasil: Os Donos da Rua
Título Original: Boyz'n the Hood
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 107 minutos
Ano de Lançamento: 1991
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.:
Direção: John Singleton 












Separados mas iguais” “Separate but Equal”,c om fatos de 1951, é um drama em Kansas/ USA. Direção de George Stevens Jr. procede de história verídica na história dos Direitos Humanos.
A direção de uma Escola foi processada por não receber uma aluna negra, razão do Tribunal Federal deliberou contra Brown, o pai da criança, afirmando que as “Escolas eram praticamente iguais.”Devido à conclusão do Tribunal de Delaware, para outro caso, ordenado na 14ª Emenda à Constituição pela “Igual Proteção da Lei "separados, mas iguais” não haveria mais na Área da Educação.

Elenco e equipe técnica:






Na África do Sul, extraordinária professora ensina seus jovens alunos negros a lutarem por seus direitos. Para uma aluna em especial, essas lições serão um rito de iniciação na vida adulta na forma de uma brutal tomada de consciência a respeito da realidade que a cerca. Baseado na peça de Mbongeni Ngema.

Filme: SARAFINA 
Titulo Original: Sarafina
País: EUA
Gênero: Drama
Diretor: DARRELL JAMES ROODT
Elenco: WHOOPI GOLDBERGLELETI KHUMALOMIRIAM MAKEBA
Ano: 1993
Duração: 98 min







Biografia do famoso líder afro-americano (Denzel Washington) que teve o pai, um pastor, assassinado pela Klu Klux Klan e sua mãe internada por insanidade. Ele foi um malandro de rua e enquanto esteve preso descobriu o islamismo. Malcolm faz sua conversão religiosa como um discípulo messiânico de Elijah Mohammed (Al Freeman Jr.). Ele se torna um fervoroso orador do movimento e se casa com Betty Shabazz (Angela Bassett). Malcolm X ora uma doutrina de ódio contra o homem branco até que, anos mais tarde, quando fez uma peregrinação à Meca abranda suas convicções. Foi nesta época que se converteu ao original islamismo e se tornou um "Sunni Muslim", mudando o nome para El-Hajj Malik Al-Shabazz, mas o esforço de quebrar o rígido dogma da Nação Islã teve trágicos resultados.Ficha TécnicaTítulo Original: Malcolm X
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 192 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 
1992
Estúdio: 40 Acres & a Mule Filmworks / JVC Entertainment / Largo International N.V.
Distribuição: Warner Bros. / UIP
Direção: Spike Lee
Roteiro: Arnold Perl e Spike Lee, baseado em livro de Malcolm X e Alex Haley
Produção: Spike Lee e Marvin Worth
Música: Terence Blanchard
Fotografia: Ernest R. Dickerson
Desenho de Produção: Wynn Thomas
Direção de Arte: Tom Warren
Figurino: Ruth E. Carter
Edição: Barry Alexandre Brown







Este é um seriado que passou no Brasil a muitos anos. Antigas gerações de militantes do movimento negro já assistiram esse que é um dos maiores clássicos da cinematografia negra. O seriado "Raízes", baseado no livro "Raízes" de Alex Haley, fala da saga do personagem principal Kunta Kinte, um africano escravizado pelos brancos, que expirimentou os horrores do sequestro de sua terra natal, a travessia atlântica pelo "navio negreiro" e a vida escrava nos Estados Unidos. Um seriado que mostra de uma maneira aprofundada o sofrimento negro de geração à geração.









Antwone Fisher (Derek Luke, do ótimo "Encontrando Forrester") é um jovem e problemático marinheiro. De temperamento explosivo, parte freqüentemente para agressões a companheiros quando provocado. Por esse motivo acaba sendo enviado para tratamento com um psicólogo da marinha, Jerome Davenport (Denzel Washington).
A princípio, Fisher se mostra relutante em aceitar qualquer apoio por parte do terapeuta. Com o passar de alguns encontros, onde ficava durante todo o tempo calado, recusando-se a dar qualquer informação que pudesse ser analisada e estudada por Davenport, o jovem percebe que só poderá se livrar daquelas inconvenientes consultas caso se disponha a contribuir com o trabalho do psicólogo.
Não existe até esse momento a intenção de auxiliar a si mesmo por parte de Fisher. O tratamento lhe parece totalmente dispensável e inoportuno. Ao se decidir por falar e contar sua história de vida para o tenente Davenport, ele queria apenas se ver livre daquele compromisso.
A partir do momento em que o diálogo entre os dois passa a fluir, começamos a rastrear na infância os motivos de todo o rancor de Fisher. Davenport deixa de ser visto como apenas um psicólogo no exercício de sua função profissional e passa a ser encarado por seu paciente como conselheiro e autêntico pai.
A superação dos problemas, muito delicados, passa por etapas difíceis e somente o apoio, a consideração e a perseverança de Davenport podem vencer as resistências criadas pelo próprio Fisher a sua felicidade. Filme sensível, que comove as platéias sem apelar para sentimentalismos, "Voltando a Viver" chama a atenção para a necessidade de suporte, consideração e carinho pedidos diariamente a todos nós, de diferentes formas, por nossos alunos, pacientes, filhos,...
Título no Brasil: Voltando a Viver - Antwone Fisher
Título Original: Antwone Fisher
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 113 minutos
Ano de Lançamento: 2002
Site Oficial: http://www.foxsearchlight.com/antwo nefisher/
Estúdio/Distrib.: MDP Worldwide / Antwone Fisher Productions / Hofflund/Polone / Mundy Lane Entertainment
Direção: Denzel Washington





História real de Molly Craig, jovem negra australiana de 14 anos que, em 1931, com sua irmã Daisy, de 10 anos, e sua prima Gracie, de 8 anos, foge de um campo do governo britânico da Austrália, criado para treinar mulheres aborígines para serem empregadas domésticas. Molly guia as meninas por quase três mil quilômetros através do interior do país, em busca da cerca que o divide e que a permitiria voltar para sua aldeia de origem, de onde foram tiradas dos braços de suas mães. Na jornada, elas são perseguidas pelos homens do terrível governador A. O. Neville, o qual não admite que as meninas não estejam de acordo com o ditado pela sabedoria branca e cristã.

Título original:
Rabbit-proof fence
Gênero: drama
Origem/ Ano: Austrália/ 2002
Duração: 94 min.



Quem é o negro Joel Zito Araújo?



Cineasta e pesquisador mineiro, da cidade de Nanuque, é doutor em Ciências da comunicação pela Escola de Comunicações e Arte da Universidade de São Paulo – ECA/USP e fez pós-doutorado no departamento de rádio, TV e cinema e no departamento de antropologia da University of Texas, em Austin, nos Estados Unidos. Nascido em 1954, dirigiu documentários de curta e média-metragem tematizando o negro na sociedade brasileira, dentre os quais destacam-se São Paulo abraça Mandela (1991), Retrato em preto e branco (1993), Ondas brancas nas pupilas pretas (1995) e A exceção e a regra (1997). Em 1999, finalizou seu primeiro longa, o documentário O efêmero estado União de Jeová, sobre Udelino de Matos, um homem que, nos anos 1950, tentou formar um estado camponês com a população de maioria negra no norte do Espírito Santo. Dois anos depois, lançou A negação do Brasil, sobre a trajetória do personagem negro nas novelas brasileiras, com impressionante trabalho de pesquisa que deu origem a um livro homônimo. Foi escolhido melhor filme brasileiro do É Tudo Verdade daquele ano, tendo sido também selecionado pra vários festivais pelo mundo, entre eles o festival de cinema latino de Madri e o festival de documentários do Porto. Em 2004, finalizou seu primeiro longa-metragem de ficção, Filhas do vento, que ganhou oito prêmio no festival de Gramado, entre eles: melhor filme segundo a crítica, melhor diretor, ator e atriz. Na mostra de cinema de Tiradentes, foi escolhido melhor filme pelo público e participou ainda de festivais na Índia, na França, na África do Sul e em Camarões.







Ícone do cinema negro americano, Spike sempre abordou a temática racial abrindo as portas emHollywoodpara uma conscientização sobre os problemas sociais do país. Além de diretor, produtor e roteirista, ele seguidamente atua em seus próprios filmes. Nascido em 20 de março de 1957 em Atlanta, sul dos E.U.A, em uma época marcada pelo preconceito racial, mudou-se com sua família, quando tinha três anos, para o Brooklyn, onde adquiriu toda a sua consciência social.
Por um de seus primeiros filmes, “Joe's Bed-Stuy, Barbershop: We Cut Heads”, um projeto de graduação, já fora premiado em alguns festivais, três anos depois de rebater o racismo de “O Nascimento de uma Nação” com o curta “The Answer”(1980), de dez minutos. Depois disso, sem conseguir produzir o longa “Messenger”, foi financiado por sua avó, que também havia pago seus estudos naUniversidade Morehouse, e fez She's Gotta Have It(1986), onde ele mesmo atuava como um dos três amantes de uma mulher.
Em 1989, com “Do the Right Thing”(Faça a Coisa Certa), que lhe rendeu uma indicação ao Oscar por melhor roteiro original, consegue reproduzir com maior fidelidade a sua visão do cotidiano das minorias. Cansado da maneira estereotipada que seu povo sempre fora retratado nas telas, Lee tem, normalmente, como tema o racismo, porém, trabalha diferentemente de tudo o que se viu até então, ao mostrar toda a complexidade dos guetos norte-americanos, não apenas os negros, mas os latinosorientaismestiços, etc, ele destrói maniqueísmos criados em torno desses temas, mostrando como essas etnias também sabem ser preconceituosas e intolerantes.
Em 1990, com “Mo’ Better Blues”(Mais e Melhores Blues), uma história mais voltada para o Jazz, tentando recuperar este movimento cultural, decepciona alguns fãs que esperavam algo mais ousado e com uma denúncia mais pesada, porém vem a se recuperar um ano depois com “Jungle Fever”(Febre da Selva), que trata de relacionamentos inter-raciais. Ainda dirigiu a cinebiografia “Malcolm X” sobre líder negro americano dos anos 60. Provou também toda sua versatilidade em “Croocklyn”( Crooklyn – Uma Família de Pernas pro Ar), em 1994, uma comédia leve escrita em parceria com seu irmão, e em “Clockers”( Irmãos de Sangue), em 1995. Foi quando começou a perder seu foco inicial social e político, sendo muitas vezes criticado por isso. No entanto, novamente mostrando que é versátil, é indicado, em 1998, pela segunda vez ao Oscar pelo documentário “4 Little Girls” (1997). Nos últimos anos, começa então a fazer mais de um filme por ano, em um desses, “25th Hour”(A Última Noite), de2002, onde um traficante tem sua última noite livre, antes de ir pra prisão no dia seguinte, para consertar seus erros, chega a violar um pouco as regras que ele próprio construiu em sua carreira.


Ainda muito jovem, o produtor se mudou para Brooklyn, Nova Iorque.
Seu pai era um músico do Jazz e sua mãe uma professora.
Estudou no Colégio Morehouse, em Atlanta, onde desenvolveu suas habilidades de filmagem. Depois de se formar, foi para a escola de Artes Tisch School, e se graduou em progamação de filmagem.
Produziu um curta muito controverso chamado de 10 minutos.
Em 1986, Spike Lee fez o filme Ela Quer Tudo ( She's Gotta Have It), uma comédia sobre relações sexuais. A produção do filme custou 175.000 dolares, e faturou 7.000.000. A partir de então, Spike se tornou conhecido e famoso.

FILMOGRAFIA:


2006 - O plano perfeito (Inside man)
2005 - Crianças invisíveis (All the invisible children)
2005 - Jesus children of America
2005 - Miracle's boys (TV)
2004 - Sucker Free City (TV)
2004 - Elas me odeiam, mas me querem (She hate me)
2002 - A última noite (25th hour)
2002 - Ten minutes older: The trumpet
2002 - Jim Brown all American
2001 - Come rain or come shine
2001 - The Concert for New York City (TV)
2001 - A Huey P. Newton Story (TV)
2000 - A hora do show (Bamboozled)
2000 - The Original Kings of Comedy
1999 - O verão de Sam (Summer of Sam)
1998 - Freak (TV)
1998 - Jogada Decisiva (He Got Game)
1997 - 4 Little Girls (Documentário)
1996 - Todos a bordo (Get on the Bus)
1996 - The fine art of separating people from their money
1996 - Garota 6 (Girl 6)
1995 - Lumière et Compagnie
1995 - Irmãos de sangue (Clockers)
1994 - Crooklyn - Uma família de pernas pro ar (Crooklyn)
1992 - Malcolm X (filme)
1991 - Febre da selva (Jungle Fever)
1990 - Mais e melhores blues (Mo' Better Blues)
1989 - Faça a coisa certa (Do the Right Thing)
1988 - Lute pela coisa certa (School Daze)
1986 - Ela quer tudo (She's Gotta Have It)
1983 - Joe's Bed-Stuy Barbershop: We Cut Heads
1981 - Sarah (filme)
1980 - The answer
1977 - Last hustle in Brooklyn





Sem o filme "Mississipi em Chamas" ("Mississippi Burning"), do diretor britânico Alan Parker, poucos se recordariam hoje da morte de três ativistas dos direitos civis no sul segregacionista dos Estados Unidos, em junho de 1964. Nesta terça-feira, 41 anos depois dos fatos, um ex-integrante da Ku Klux Klan (KKK) do Mississippi, Edgar Ray Killen, de 80 anos, foi declarado culpado pelo assassinato destes três jovens por um tribunal da Filadélfia (Mississipi, sul dos EUA).Convencido de que o cinema tem verdadeiramente um papel político a desempenhar, Parker filmou "Mississippi em Chamas" em 1988. O filme conta a história trágica de três ativistas dos direitos civis assassinados durante o "Verão da Liberdade" de 1964, quando centenas de jovens militantes chegavam ao sul segregacionista para ajudar os negros a se registrarem nas listas eleitorais.O filme mostra, particularmente, a investigação de dois agentes do FBI (polícia federal americana), que utilizaram métodos diferentes para desmascarar os autores desse crime racista. Oriundo do sul, Rupert Anderson, interpretado de forma marcante por Gene Hackman, mostrava suavidade, enquanto Alan Ward (William Dafoe), vindo do norte, dava socos na mesa. A astúcia de Anderson e a perseverança de Ward puseram um fim à lei do silêncio e ao medo que imperava no sul.Rodado em apenas dois meses e meio no Alabama (sul), o filme recebeu sete indicações ao Oscar, entre elas a de melhor diretor, e conquistou o de melhor fotografia.Parker recebeu também o prêmio D.W. Griffith do National Board of Review pela direção. "Mississippi em Chamas" recebeu outros três prêmios da Academia Britânica (com um total de cinco indicações) e o Urso de Prata do Festival de Berlim.









A história real e inspiradora de um treinador que decide mostrar os diversos aspectos dos valores de uma vida ao suspender seu time campeão por causa do desempenho acadêmico dos atletas. Dessa forma, Ken Carter recebe elogios e críticas, além de muita pressão para levar o time de volta às quadras. É aí que ele deve superar os obstáculos de seu ambiente e mostrar aos jovens um futuro que vai além de gangues, prisão e até mesmo do basquete.


Informações Técnicas:

Título no Brasil: Coach Carter - Treino para a VidaTítulo Original: Coach CarterPaís de Origem: EUA / AlemanhaGênero: DramaTempo de Duração: 136 minutosAno de Lançamento: 2005Site Oficial: Estúdio/Distrib.: Paramount Home EntertainmentDireção: Thomas Carter






Drama baseado na história real de Stan 'Tookie' Williams (Jamie Foxx), fundador de uma gangue de rua de Los Angeles conhecida como Crisps. No corredor da morte, o líder da quadrilha conta a sua história à jornalista Barbara Becnel (Lynn Whitfield). Agora, longe das ruas e perplexo com a realidade da violência, Tookie se dedica a tirar crianças das ruas escrevendo livros denunciando a ação e o perigo das gangues. Graças ao seu trabalho de conscientização, foi indicado ao Prêmio Nobel da Paz quatro vezes.
Informações Técnica:
Título no Brasil: RedençãoTítulo Original: Redemption: The Stan Tookie Williams StoryPaís de Origem: EUA Gênero: DramaTempo de Duração: 95 minutos Ano de Lançamento: 2004 Site Oficial: Estúdio/Distrib.: Califórnia Filmes Direção: Vondie Curtis-Hall.




Mais E Melhores Blues [Mo' Better Blues]

Sinopse:

Ainda muito jovem, o pequeno Bleek Gilliam (Denzel Washington) era forçado pelos pais a estudar trompete, o que não lhe deixava tempo nenhum para ser criança e brincar com os amigos. Os anos se passaram e finalmente Bleek realiza o sonho de seus pais, tornando-se trompetista profissional. Mas uma forte rivalidade com o saxofonista Shadow Henderson (Wesley Snipes), parece crescer a cada dia, assumindo proporções catastróficas. E, além disso, o estranho Giant (Spike Lee), amigo e empresário de Bleek, é viciado em jogo, causando sérios problemas para todos os músicos da banda.

Ficha Técnica
Título no Brasil: Mais E Melhores Blues
Título Original: Mo' Better Blues
País de Origem: EUA
Gênero: Comédia | Drama | Musical
Tempo de Duração: 129 minutos
Ano de Lançamento: 1990
Estúdio/Distrib.: Universal
Direção: Spike Lee
IMDB: 6.3





INVICTUS


SINOPSE Dirigido Clint Eastwood o filme Invictus conta a história do presidente sul africano Nelson Mandela (Morgan Freeman) que usa o esporte para unir a população, durante uma copa do mundo no País. Para conseguir essa façanha, chama para uma reunião Francois Pienaar (Matt Damon), capitão da equipe sul-africano, e o incentiva para que a selação nacional seja campeã.


FICHA TÉCNICA
Título original/país/ano: Invictus/EUA/ 2009
Gênero: drama
Classificação: livre

Direção: Clint Eastwood - Estrelando: Morgan Freeman e Matt Dam





Sinopse

Salvador. A expansão imobiliária da cidade, decorrente de sua modernização, faz com que o candomblé, tradicional religião afro-brasileira ligada à natureza, seja afetada. A causa é que o candomblé pede a existência de lugares amplos e naturais, para a realização de sua liturgia. É neste contexto que Miguel Bonfim (Antônio Godi), um ex-bancário que é filho de uma yalorixá e um jornalista de esquerda, decide criar o Jardim das Folhas Sagradas. Sem conseguir um local na cidade, ele decide montá-lo na periferia. Por questionar  o sacrifício de animais, Bonfim resolve fazer um terreiro modernizado e descaracterizado. Só que esta decisão lhe traz graves consequências.
 FICHA TÉCNICA Título original: (Jardim das Folhas Sagradas) lançamento: 2011 (Brasil) Direção: Pola RibeiroAtores: Antônio Godi, Harildo Deda, Evelin Buchegger, João MiguelDuração: 90 min  Gênero: Drama  





QUASE DEUSES

SINOPSE: Nashville, 1930. Vivien Thomas (Mos Def) é um hábil marceneiro, que tinha um nome feminino pois sua mãe achava que teria uma menina e, quando veio um garoto, não quis mudar o nome escolhido. Eleé demitido quando chega a Grande Depressão, pois estavam dando preferência para quem tinha uma família para sustentar. A Depressão o atinge duplamente, pois sumiram as economias de 7 anos, que ele guardou com sacrifício para fazer a faculdade de medicina, pois o banco faliu. Thomas consegue emprego de faxineiro, trabalhando para Alfred Blalock (Alan Rickman), um médico pesquisador que logo descobre que ele tem uma inteligência privilegiada e que poderia ser melhor aproveitado. Blalock acaba se tornando o cirurgião-chefe na Universidade Johns Hopkins, onde está pesquisando novas técnicas para a cirurgia do coração. Os dois acabam fazendo um parceria incomum e às vezes conflitante, pois Thomas nem sempre era lembrado quando conseguiam criar uma técnica, já que não era médico.

FICHA TÉCNICA
Título original: (Something the Lord Made)Lançamento: 2004 (EUA)Direção: Joseph SargentAtores: Alan Rickman, Mos Def, Mary Stuart Masterson, Kyra Sedgwick. Duração: 110 min Gênero: Drama



AS BARREIRAS DO AMOR



SINOPSE: Lurene Hallette (Michelle Pfeiffer) é uma dona de casa de Dallas que direciona grande parte do seu tempo para saber o que a família Kennedy faz. Ela fica arrasada quando descobre que o presidente foi assassinado poucas horas depois de chegar na cidade onde ele estava. Apesar da proibição do seu marido, ela decide ir ao funeral e, na viagem de ônibus, ela conhece uma garotinha negra (Stephanie McFadden) que viaja com Paul Cater (Dennis Haysbert), o pai. Em dado momento ela acredita que se trata de um seqüestro e avisa o FBI. Quando entende que cometeu um grande erro, a polícia já está pronta para prender o "criminoso". Assim, decide acompanhar pai e filha para ajudá-los no que for possível para escapar do cerco que está se fazendo para capturá-los.


FICHA TÉCNICA
Título original: (Love Field)
Lançamento: 1992 (EUA)
Direção: Jonathan Kaplan
Atores: Michelle Pfeiffer, Dennis Haysbert, Stephanie McFadden, Brian Kerwin.
Duração: 104 min
Gênero: Drama



ADIVINHE QUEM VEM PARA O JANTAR 1967



SINOPSE: Casal de ricos brancos entra em choque quando sua filha Joey anuncia que está noiva de John Prentice, um doutor conceituado, de boa base financeira, apaixonado, porém negro. Como nos anos 60 o casamento entre raças diferentes não era algo comum, John e Joey devem enfrentar os absurdos preconceitos não apenas dos pais brancos da jovem, mas também de outros negros.



FICHA TÉCNICA: Pais: Estados Unidos Gênero: Drama, Romance Direção: Stanley Kramer Roteiro: William Rose Produção: Stanley Kramer Design Produção: Robert Clatworthy Música Original: Frank De Vol Fotografia: Sam Leavitt Edição: Robert C. Jones Figurino: Joe King Guarda-Roupa: Joe King, Jean Louis Maquiagem: Helen Hunt, Ben Lane, Joe DiBella Efeitos Sonoros: Robert Martin, Clem Portman, Charles Rice Efeitos Especiais: Geza Gaspar Nota: 8.7 Filme Assistido em: 1968.








UM GRITO DE LIBERDADE


SINOPSE: A história de uma amizade memorável entre dois homens                  inesquecíveis. A tensão e o terror da atualidade da África do Sul é poderosamente retratada neste emocionante filme realizado por Richard Attenborough, que nos conta a história de um ativista negro Stephen Biko (Denzel Washington) e de um editor liberal de um jornal branco que arrisca a sua própria vida para divulgar ao Mundo a mensagem de Biko. Depois de ter conhecimento dos verdadeiros horrores do Apartheid, através das descrições de Biko, o editor Donald Woods (Kevin Kline) descobre que o seu amigo foi silenciado pela polícia. Determinado a fazer ouvir a mensagem de Biko, Woods embarca numa perigosa aventura para escapar da África do Sul e divulgar ao mundo a impressionante história de coragem de Biko. A fascinante história mostra as facetas da humanidade nas suas vertentes mais terríveis e mais heróicas.

FICHA TÉCNICA:
Título no Brasil: Um Grito de Liberdade
Título Original: Cry Freedom
País de Origem: Canadá
Gênero: Drama / Documentário
Classificação etária: 18 anos
Tempo de Duração: 157 minutos
Ano de Lançamento: 1987
Estúdio/Distrib.: Universal Pictures
Direção: Richard Attenborough


A AUTOBIOGRAFIA DE MISS JANE PITTMAN


SINOPSE: História de uma mulher negra do Sul, que nasceu na escravidão em 1850 e vive a se tornar uma parte do movimento pelos direitos civis nos anos 1960.

FICHA TÉCNICA: 
Título original: A Autobiografia de Miss Jane Pittman


Gênero: Drama

Ano: 1974

Tempo: 120min

Produtora: Amanhã Entretenimento
Direção: John Korty

Roteiro: Enerst J. Gaines, Tracy Keenan Wynn



MALCOM X

SINOPSE: Biografia do famoso líder afro-americano (Denzel Washington) que teve o pai, um pastor, assassinado pela Klu Klux Klan e sua mãe internada por insanidade. Ele foi um malandro de rua e enquanto esteve preso descobriu o islamismo. Malcolm faz sua conversão religiosa como um discípulo messiânico de Elijah Mohammed (Al Freeman Jr.). Ele se torna um fervoroso orador do movimento e se casa com Betty Shabazz (Angela Bassett). Malcolm X ora uma doutrina de ódio contra o homem branco até que, anos mais tarde, quando fez uma peregrinação à Meca abranda suas convicções. Foi nesta época que se converteu ao original islamismo e se tornou um "Sunni Muslim", mudando o nome para El-Hajj Malik Al-Shabazz, mas o esforço de quebrar o rígido dogma da Nação Islã teve trágicos resultados.

FICHA TÉCNICA:

Título original: (Malcolm X)
Lançamento: 1992 (EUA)

Direção: Spike Lee

Atores: Denzel Washington, Angela Bassett, Albert Hall, Al Freeman Jr..

Duração: 192 min

Gênero: Drama



A OUTRA HISTÓRIA AMERICANA



SINOPSE: Derek (Edward Norton) busca vazão para suas agruras tornando-se líder de uma gangue de racistas. A violência o leva a um assassinato, e ele preso pelo crime. Três anos mais tarde, ele sai da prisão, e tem que convencer seu irmão (Edward Furlong), que está prestes a assumir a liderança do grupo, a não trilhar o mesmo caminho. 


FICHA TÉCNICA:
Título original: (American History X)

Lançamento: 1998 (EUA)

Direção: Tony Kaye

Atores: Edward Norton, Edward Furlong, Beverly D'Angelo, Jennifer Lien.

Duração: 119 min

Gênero: Drama



AMISTAD

SINOPSE: Costa de Cuba, 1839. Dezenas de escravos negros se libertam das correntes e assumem o comando do navio negreiro La Amistad. Eles sonham retornar para a África, mas desconhecem navegação e se vêem obrigados a confiar em dois tripulantes sobreviventes, que os enganam e fazem com que, após dois meses, sejam capturados por um navio americano, quando desordenadamente navegaram até a costa de Connecticut. Os africanos são inicialmente julgados pelo assassinato da tripulação, mas o caso toma vulto e o presidente americano Martin Van Buren (Nigel Hawthorn), que sonha ser reeleito, tenta a condenação dos escravos, pois agradaria aos estados do sul e também fortaleceria os laços com a Espanha, pois a jovem Rainha Isabella II (Anna Paquin) alega que tanto os escravos quanto o navio são seus e devem ser devolvidos. Mas os abolicionistas vencem, e no entanto o governo apela e a causa chega a Suprema Corte Americana. Este quadro faz o ex-presidente John Quincy Adams (Anthony Hopkins), um abolicionista não-assumido, sair da sua aposentadoria voluntária, para defender os africanos.

FICHA TÉCNICA:

Título original: (Amistad)
Lançamento: 1997 (EUA)

Direção: Steven Spielberg

Atores: Morgan Freeman, Nigel Hawthorne, Anthony Hopkins, Djimon Hounson.

Duração: 154 min

Gênero: Drama






HOMENS DE HONRA

SINOPSE: Carl Brashear (Cuba Gooding Jr.) veio de uma humilde família negra, que vivia em uma área rural em Sonora, Kentucky. Ainda garoto, no início dos anos 40, já adorava mergulhar, sendo que quando jovem se alistou na Marinha esperando se tornar um mergulhador. Inicialmente Carl trabalha como cozinheiro que era uma das poucas tarefas permitidas a um negro na época. Quando resolve mergulhar no mar em uma sexta-feira acaba sendo preso, pois os negros só podiam nadar na terça-feira, mas sua rapidez ao nadar é vista por todos e assim se torna um "nadador de resgate", por iniciativa do capitão Pullman (Powers Boothe). Quando Brashear solicita a escola de mergulhadores encontra o comandante Billy Sunday (Robert De Niro), um instrutor de mergulho áspero e tirânico que tem absoluto poder sobre suas decisões. No princípio Sunday faz muito pouco para encorajar as ambições de Brashear e o aspirante a mergulhador descobre que o racismo no exército é um fato quando os outros aspirantes brancos - exceto Snowhill (Michael Rapaport), que por isto foi perseguido por Sunday - se negam a compartilhar um alojamento com um negro. Mas a coragem e determinação de Brashear impressionam Sunday e os dois se tornam amigos quando Brashear tem de lutar contra o preconceito e a burocracia militar, que quer acabar com seus sonhos de se tornar comandante e reformá-lo.

FICHA TÉCNICA:


Título original: (Men of Honor)

Lançamento: 2000 (EUA)

Direção: George Tillman Jr.

Atores: Cuba Gooding Jr., Robert De Niro, Charlize Theron, Aunjanue Ellis.

Duração: 128 min

Gênero: Drama

A NEGAÇÃO DO BRASIL
SINOPSE: O documentário é uma viagem na história da telenovela no Brasil e particularmente uma análise do papel nelas atribuído aos atores negros, que sempre representam personagens mais estereotipados e negativos. Baseado em suas memórias e em fortes evidências de pesquisas, o diretor aponta as influências das telenovelas nos processos de identidade étnica dos afro-brasileiros e faz um manifesto pela incorporação positiva do negro nas imagens televisivas do país.



FICHA TÉCNICA:
Título no Brasil: A Negação do Brasil
Título Original: A Negação do Brasil
País de Origem: Brasil
Gênero: Documentário
Classificação etária: 12 anos
Tempo de Duração: 90 minutos
Direção: Joel Zito Araújo




PRECIOSA


Sinopse: 1987, Nova York, bairro do Harlem. Claireece "Preciosa" Jones (Gabourey Sidibe) é uma adolescente de 16 anos que sofre uma série de privações durante sua juventude. Violentada pelo pai (Rodney Jackson) e abusada pela mãe (Mo'Nique), ela cresce irritada e sem qualquer tipo de amor. O fato de ser pobre e gorda também não a ajuda nem um pouco. Além disto, Preciosa tem um filho apelidado de "Mongo", por ser portador de síndrome de Down, que está sob os cuidados da avó. Quando engravida pela segunda vez, Preciosa é suspensa da escola. A sra. Lichtenstein (Nealla Gordon) consegue para ela uma escola alternativa, que possa ajudá-la a melhor lidar com sua vida. Lá Preciosa encontra um meio de fugir de sua existência traumática, se refugiando em sua imaginação.

FICHA TÉCNICA
Título original: (Precious: Based on the Novel Push by Sapphire)
Lançamento: 2009 (EUA)
Direção: Lee Daniels
Atores: Gabourey Sidibe, Mo'Nique, Rodney Jackson, Paula Patton.
Duração: 110 min
Gênero: Drama
Status: Arquivado






O GRANDE DESAFIO


Sinopse: Melvin Thompson (Denzel Washington) é um brilhante professor e amante das palavras. Embora tenha convicções políticas que possam atrapalhar sua carreira, ele decide apostar nos seus alunos para formar um grupo de debatedores e colocar a pequena Wiley College, do Texas, no circuito dos campeonatos entre as universidades. Mas o seu maior objetivo é enfrentar a tradição de Harvard diante de uma enorme platéia. Inspirado em fatos reais.



FICHA TÉCNICA
Título original: (The Great Debaters )
Lançamento: 2007 (EUA)
Direção: Denzel Washington
Atores: Denzel Washington, Nate Parker, Denzel Whitaker, Jurnee Smollett.
Duração: 126 min
Gênero: Drama
Status: Arquivado



VISTA A MINHA PELE 
Sinopse: Nesta história invertida, os negros são a classe dominante e os brancos foram escravizados. Os países pobres são Alemanha e Inglaterra, enquanto os países ricos são, por exemplo, África do Sul e Moçambique. Maria é uma menina branca, pobre, que estuda num colégio particular graças à bolsa-de-estudo que tem pelo fatode sua mãe ser faxineira nesta escola. A maioria de seus colegas a hostilizam, por sua cor e por sua condição social, com exceção de sua amiga Luana, filha de um diplomata que, por ter morado em países pobres, possui uma visão mais abrangente da realidade.


O vídeo pode ser usado na discussão sobre discriminação no Brasil. É um instrumento atraente, com linguagem ágil e atores conhecidos do público alvo – adolescentes na faixa de 12 a 16 anos. Vem acompanhado de uma apostila de orientação ao professor para sua utilização em sala de aula, elaborada por educadores e psicólogos comprometidos com as questões de gênero e raça.



Esse filme foi criado MEC a fim de abordar a questão do preconceito racial.



FICHA TÉCNICA:
Vídeo: Vista a Minha Pele
Categoria: vídeo ficcional-educativo
Duração: 15 minutos
Roteiro: Joel Zito Araújo & Dandara
Ano de Produção: 2004
Entidade produtora: CEERT - Centro de Estudos e Relações de Trabalho e Desigualdades.


Borboletas Negras
Sinopse: O filme conta a história da mulher que lutou, sem apoio de seu pai, que era responsável pela censura do que era publicado na época, contra a desigualdade racial em pleno Apartheid, e que após sua morte teve seu poema The Dead Child of Nyanga lido e apontado por Nelson Mandela como um poema de uma das melhores poetisas sul-africanas em seu primeiro discurso ao Parlamento Sul-Africano.

FICHA TÉCNICA:
Gênero: Drama
Titulo Original: Black ButterflieS
Duração: 100 min.
Origem: Alemanha, Holanda e África do Sul
Estreia: 23 de Setembro de 2011
Direção: Paula van der Oest
Roteiro: Greg Latter
Distribuidora: Imovision
Censura: 14 anos
Ano: 2011

                         

RETRATO EM PRETO E BRANCO


Sinopse: Um homem negro e de classe média escreve uma carta a um amigo estrangeiro na tentativa de explicar-lhe a real situação dos afrodescendentes no Brasil. Esse é o pano de fundo do documentário Retrato em Branco e Preto, filme que revela um Brasil preconceituoso e desigual. Essas pessoas, que representam mais da metade da população brasileira, vivem à margem das oportunidades de trabalho, educação, saúde e moradia, convivendo com o abandono das crianças e a violência policial. O filme mostra que, no Brasil, há uma sociedade etnocêntrica, desigual e racista. Retrato em Branco e Preto se apóia em pesquisas socioeconômicas e revela que a reprodução do preconceito se dá a partir da escola e pela mídia, que insiste em ser espelho de um povo brasileiro que não existe, com suas Xuxas, Angélicas e outros rostinhos alvos.


Ficha Técnica: Realização: CEERT - Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades Data: não consta Direção: Joel Zito Araújo Duração: 15 minutos


 Uma onda no ar

Sinopse: Nos anos 80, em uma grande favela de Belo Horizonte, um grupo de quatro jovens amigos — Jorge, Brau, Roque e Zequiel — resolve fundar uma rádio comunitária, a Rádio Favela. A intenção deles é criar um veículo que divulgue a voz da comunidade para o mundo. Com uma programação ousada e espontânea, a Rádio Favela logo ganha popularidade e abrangência. O problema é que a atividade começa a incomodar as autoridades, especialmente a polícia. Uma Onda no Ar e seus personagens são livremente inspirados em fatos reais.


Ficha Técnica:
Título original: (Uma Onda no Ar)
Lançamento: 2002 (Brasil)
Direção: Helvécio Ratton
Atores: Alexandre Moreno, Adolfo Moura, Babu Santana, Benjamin Abras.
Duração: 92 min
Gênero: Drama
Status: Arquivado




Documentário: O que é movimento negro


Sinopse: Documentário sobre o movimento negro no Brasil. Apresenta didaticamente a luta dos negros pela igualdade, desde os tempos da escravidão até os dias de hoje. O filme começa apresentando, no período colonial, as formas de luta e resistência dos negros escravos, como o Banzo e os Quilombos. Fala de Zumbi e das revoltas dos Malês e dos Alfaiates.

Foi em 1902 que surgiram as primeiras entidades (recreativas) de negros no Brasil. No mesmo período começaram a ser publicados os primeiros jornais do movimento negro, como O Progresso e A liberdade. O filme aborda as experiências da Frente Negra, da Legião Negra e do Teatro Experimental do Negro (TEN), com seu belo trabalho na área de arte-educação. 

Durante a ditadura militar, os negros ficaram proibidos de se organizar, e, assim, as manifestações culturais ganhavam mais importância. Já na década de 1970, após a morte do estudante Edson Luiz, o movimento negro voltou a se manifestar, e, a partir da união de diversos grupos, foi criado o Movimento Negro Unificado (MNU), contra a discriminação racial. A luta pelo respeito às diferenças e pela igualdade, levou o Movimento a discutir como a escola reproduz o racismo, através dos currículos, dos livros didáticos e da formação dos professores. Levou também à organização da Associação de Mulheres Negras. 

O vídeo mostra ainda o samba e o hip-hop, entre as formas culturais que colaboram com a luta negra pela “desmistificação do mito da democracia racial” existente no Brasil.



Ficha Técnica: 

Data: Maio de 1998 

Duração: 15 minutos 

Realização: Núcleo de Estudos Negros 



 


Tempo de Matar


Sinopse: Em Canton, no Mississipi, dois brancos espancam e estupram uma menina negra de dez anos. Eles são presos, mas quando estão sendo levados ao tribunal para terem o valor da sua fiança decretada o pai da garota (Samuel L. Jackson) decide fazer justiça com as próprias mãos e mata os dois na frente de diversas testemunhas, além de acidentalmente ferir seriamente um policial. Ele é preso rapidamente, mas a cidade se torna um barril de pólvora e, além do mais, a defesa tem de se defrontar com um juiz que não permite que no julgamento se mencione a razão que fez o pai cometer o duplo homicídio, pois o julgamento é de assassinato e não de estupro.

Ficha Técnica:
Título original: (A Time to Kill)
Lançamento: 1996 (EUA)
Direção: Joel Schumacher
Atores: Matthew McConaughey, Sandra Bullock, Samuel L. Jackson, Kevin Spacey.
Duração: 149 min
Gênero: Drama
Status: Arquivado 








Encontro com Milton Santos
ou o mundo global visto do lado de cá.

Sinopse: O filme trata do processo de globalização com base no pensamento do geógrafo Milton Santos, que, por suas idéias e práticas, inspira o debate sobre a sociedade brasileira e a construção de um novo mundo.


FICHA TÉCNICA:

Título no Brasil: Encontro com Milton Santos ou o Mundo Global Visto do Lado de Cá

Título Original: Encontro com Milton Santos ou o Mundo Global Visto do Lado de Cá
País de Origem: Brasil
Gênero: Documentário
Tempo de Duração: 89 minutos
Ano de Lançamento: 2006
Estréia no Brasil: 17/08/2007
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Caliban Produções
Direção: Silvio Tendler




FILHAS DO VENTO

Sinopse: Cida (Ruth de Souza) e a irmã Jú (Léa Garcia) estão separadas por quase 45 anos. O tempo não conseguiu dissipar o rancor provocado pelo incidente amoroso e familiar que marcou a juventude e a vida das duas. Com a morte do pai, Zé das Bicicletas (Milton Gonçalves), que havia expulsado Cida de casa, as duas voltam a se encontrar. Cida tornou-se uma mulher solitária. Fez carreira de atriz atuando em cinema e em telenovela, mas, apesar do talento, não teve o reconhecimento merecido. Maria D’Ajuda nunca saiu do interior, cuidou do pai até a morte. Parece ter nascido para amar e cuidar dos outros, mas nunca conseguiu desenvolver nenhuma identidade profissional – o inverso da irmã atriz. Casou-se uma vez e depois teve vários filhos de companheiros diferentes. Sua família é uma típica família brasileira do interior, cheia de filhos, sobrinhos, netos e agregados. No entanto, uma de suas filhas, Dorinha (Danielle Ornellas), a que mais admira pela persistência profissional e talento artístico, é a única que despreza o amor da mãe.

FICHA TÉCNICA:
Título no Brasil: Filhas do Vento
Título Original: Filhas do Vento
País de Origem: Brasil
Gênero: Drama
Classificação etária: 14 anos
Tempo de Duração: 85 minutos
Ano de Lançamento: 2004
Estréia no Brasil: 16/09/2005
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Riofilmes
Direção: Joel Zito Araújo





Alguém Falou em Racismo?

Em uma sala de aula, um grupo de jovens se desentende por causa de uma declaração racista de um deles dirigida a uma colega. A moça se ofende, a professora de Português intervém e sugere que eles levem o tema para o professor de História, que certamente poderá ajudá-los no debate. O professor propõe mais do que um debate: os leva-os a refletir sobre o racismo na nossa sociedade, a buscar as origens do preconceito racial e, além disso, a envolver outras pessoas na discussão, resultando num belo trabalho em grupo, depois apresentado para toda a turma.
Intercalando esta ação, depoimentos de líderes do movimento negro, estudiosos e pessoas vítimas de racismo. Educação, saúde, mercado de trabalho, políticas de ação afirmativa, consciência e cidadania são alguns dos tópicos abordados ao longo deste trabalho. O vídeo faz parte da campanha Direitos são pra valer, que visa auxiliar professores, alunos e seus familiares a reconhecerem as diferentes formas de racismo e a propor ações para superá-las.

Ficha técnica:

Direção: Daniel Caetano; 2002; 23 min.



Produção: Cecip – Centro de Criação de Imagem Popular; 23 minutos










Atlântico Negro - Na Rota dos Orixás



O DVD Atlântico Negro: na rota dos orixás é um dos principais documentários sobre a influência da cultura africana na sociedade brasileira. Recebeu vários prêmios como melhor documentário sobre a relação Brasil x África. Filme: Atlântico Negro - Na Rota dos Orixás Titulo Original: Atlântico Negro - Na Rota dos Orixás País: Brasil Gênero: Documentário Diretor: Rebato Barbieri Elenco: Ano: 1998 Duração: 54 min Classificação Indicativa: livre Anos O documentário faz uma viagem no espaço e no tempo em busca das origens africanas da cultura brasileira. Historiadores , antropólogos e sacerdotes africanos e brasileiros relatam fatos históricos e dados surpreendentes sobre inumeras afinidades culturais que unem os dois lados do Atlântico. Filmado no Benim, no Maranhão e na Bahia. Falado em português, francês, fon e iorubá.



Ficha técnica:



Direção: Renato Barbiere - 1998







ATABAQUES NZINGAS


Nzinga é um documentário musical sobre a cultura afro-brasileira, cuja estrutura narrativa se traduz por um jogo de búzios, no qual a protagonista chega atraída pelo "chamado do tambor" em busca do autoconhecimento. Viajando pela estrada da percussão nas locações de Pernambuco, Bahia e Rio de Janeiro, a protagonista conhece diferentes ritmos, grupos musicais e coreográficos, procurando e encontrando sua integração na sociedade brasileira.
Ficha técnica:
Título no Brasil:  Atabaque Nzinga
Título Original:  Nzinga
País de Origem:  Brasil
Gênero:  Documentário
Tempo de Duração: 87 minutos
Ano de Lançamento:  2007
Site Oficial:  
Estúdio/Distrib.:  Europa Filmes
Direção:  Octávio Bezerra



MESTRE BIMBA, A CAPOEIRA ILUMINADA 

Sinopse  O documentário conta a história da Capoeira, como esporte, arte, jogo ou luta, que ganhou território tanto nacional quanto estrangeiro. Isso por meio da visão e determinação de Mestre Bimba.

Dados Técnicos
País de Origem: Brasil
Gênero: Documentário
Tempo de Duração: 78 minutos
Ano de Lançamento: 2005
Estréia no Brasil: 10/08/2007



QUILOMBO

Sinopse:
Em meados do século 17, escravos fugidos das plantações canavieiras do Nordeste organizam uma república livre, o Quilombo dos Palmares. A utopia durou mais de um século, até que os colonizadores europeus unissem suas forças para erradicá-la a ferro e fogo.


Dados Técnicos
Gênero: Drama | Histórico | Aventura
Ano de Lançamento: 1984
País de Produção: Brasil | França



QUANTO VALE OU É POR QUILO?

Sinopse:

Adaptação livre do diretor Sérgio Bianchi para o conto "Pai contra Mãe", de Machado de Assis, Quanto Vale ou É Por Quilo? desenha um painel de duas épocas aparentemente distintas, mas, no fundo, semelhantes na manutenção de uma perversa dinâmica sócio-econômica, embalada pela corrupção impune, pela violência e pelas enormes diferenças sociais. No século XVIII, época da escravidão explícita, os capitães do mato caçavam negros para vendê-los aos senhores de terra com um único objetivo: o lucro. Nos dias atuais, o chamado Terceiro Setor explora a miséria, preenchendo a ausência do Estado em atividades assistenciais, que na verdade também são fontes de muito lucro. Com humor afinado e um elenco poucas vezes reunido pelo cinema nacional, Quanto Vale ou É Por Quilo? mostra que o tempo passa e nada muda. O Brasil é um país em permanente crise de valores.


Informações Técnicas

Título no Brasil:  Quanto Vale Ou É Por Quilo?
Título Original:  Quanto Vale Ou É Por Quilo?
País de Origem:  Brasil
Gênero:  Drama
Classificação etária: 14 anos
Tempo de Duração: 108 minutos
Ano de Lançamento:  2005
Site Oficial:  http://www.quantovaleoueporquilo.co m.br
Estúdio/Distrib.:  Versátil
Direção:  Sergio Bianchi